Sim. As vacinas disponíveis atualmente (AstraZeneca e CoronaVac) são consideradas seguras, com relato de eventos adversos leves e pouco frequentes.

Cabe ressaltar que as vacinas que estão se tornando disponíveis passaram por todos os testes necessários para a aprovação de todas as outras vacinas. A implementação em larga escala de tais produtos vacinais será ainda acompanhada em estudos de fase IV, observando continuamente a sua segurança. Como todo novo medicamento, a aprovação do uso foi concedida após a avaliação rigorosa da Agência de Vigilância Sanitária (ANVISA), que assim como agências reguladoras dos outros países, continuará a monitorar relatos de eventos adversos no nosso país.